Categorias
5 tipos de aplicativos corporativos que sua empresa pode usar

5 tipos de aplicativos corporativos que sua empresa pode usar

Os mais requisitados tipos de aplicativos corporativos são, na verdade, ferramentas atualmente utilizadas como auxiliares na gestão de um negócio, organizando equipes de vendas, guardando arquivos importantes, administrando agendas de trabalho, conectando o profissional com setores da empresa, como estoque; financeiro; e diretoria.

Além disso, os aplicativos corporativos têm como função eliminar o desperdício com papelada e com a burocracia, que, felizmente, vem perdendo cada vez mais espaço no mundo dos negócios. Por outras palavras, as empresas otimizam o seu serviço em um contexto geral e ainda reduzem custos.

Estima-se que as aquisições de aplicativos corporativos só tendem a crescer nos próximos anos, devido, entre outras coisas, a uma nova visão empresarial baseada em agilidade na comunicação e eficiência dos serviços oferecidos.

Fizemos uma lista com os 5 tipos de aplicativos corporativos mais utilizados atualmente no mercado — muitos deles, funcionando como verdadeiras empresas ambulantes. Confira!

1. Aplicativos para gerenciamento de ordens de serviço

Funcionam como uma arma para a gestão das empresas. Com o gerenciamento de ordens de serviço, o gestor pode gerenciar diversos tipos de serviço, tais como: serviços gerais, serviços de montagem de móveis, eletrônicos ou refrigeração, além de serviços de encanador, eletricista, portaria, condomínios, limpeza, etc.

Como o profissional responsável por realizar um serviço terá em seu celular um aplicativo, geralmente com sistema GPS e SMS — ou outras formas para liberar informação e comunicação com o cliente que o aguarda —, toda a sua movimentação será acompanhada em tempo real pela equipe que gerencia ou monitora as tarefas de campo dos executores dos serviços.

2. Aplicativos para Trade Marketing

São aplicativos que buscam maximizar vendas e consolidar marcas, interligando fabricantes, distribuidores e consumidores.

Alguns deles permitem que as empresas atualizem-se sobre a atuação da equipe de trade marketing nos pontos de venda, disponibilizam — em telas virtuais — dados sobre as condições oferecidas pela concorrência, registram a performance de uma equipe em um determinado ponto de venda, pesquisam preços, monitoram ações de marketing, avaliam o ponto de vendas, além de várias outras funções.

3. Aplicativos para controle financeiro

Aprovação de compras, consolidação de extratos, consultas de saldos, ou seja, todos dados existentes no ERP podem ser replicados para um aplicativo e tornar viável as ações de gestores a distância da empresa, estes são alguns dos tipos de aplicativos corporativos que auxiliam na gestão de empresas, na medida em que, com eles, é possível registrar informações relativas às receitas e despesas de uma empresa, como:

  • Valores;
  • Prazo de vencimento de duplicatas;
  • Origem dessas despesas e receitas;
  • Registro de lucros;
  • Indicações de investimentos;
  • Aprovação de alçadas;
  • Controle de saldos e transferências de centros de custos.

Além de atualizar o seu saldo, gerar relatórios, criar gráficos para análise real da situação financeira do negócio, entre outras funções remotas.

4. Aplicativos de força de vendas

Os aplicativos de Força de Vendas têm como proposta o auxílio na gestão de pequenas e médias empresas, bem como de filiais de grandes multinacionais, permitindo o acesso a dados atualizados em tempo real, administração de pipeline de vendas, controle e atualização de estoques, registro de pedidos de vendas, leitura de código de barras, registros de despesas, disponibilização de conteúdo sobre produtos, catálogos, preços, treinamentos e indicações de uso dos produtos.

Alguns funcionando mesmo sem uma conexão com a internet e associados ao sistema de gestão da empresa (ERPs), como forma de potencializar vendas e, consequentemente, aumentar os lucros.

5. Aplicativos para colaboração em equipes

São tipos de aplicativos utilizados para estabelecer conectividade entre as equipes de campo e as equipes de monitoramento e apoio que ficam na empresa. A disponibilização de conteúdos, geolocalização, ponto eletrônico, rotas de visitas, feedback e pesquisas com clientes, suporte aos serviços de campo, além de treinamentos utilizando todo o potencial da mobilidade como uma ferramenta para a gestão de empresas.

Esses tipos de aplicativos corporativos potencializam a produção por meio do registro de tarefas, de reuniões, armazenamento de arquivos digitais (na nuvem) e do acesso a informações de vários setores de uma empresa, potencialização as tarefas de campo e os resultados da empresas, além da comunicação efetivamente.

Quais os tipos de aplicativos você já utiliza ou pretende utilizar em sua empresa? Responda em nossa caixa de comentários!

POSTS RELACIONADOS: