Categorias
controle de vendas

Controle de vendas: saiba onde você está falhando

A luta diária para conseguir manter bons resultados de vendas é bastante cansativa e demanda muita atenção e proatividade. Se você tem este desafio, mas anda se enrolando um pouco com o controle de vendas, talvez esteja precisando de uma pequena ajuda.

Sobre este assunto, e de uma maneira bastante objetiva e rápida, listamos as falhas mais comuns dos gestores e como resolvê-las. Acompanhe:

O que fazer para ter o controle de vendas?

Antes de passar aos números e resultados finais, é primordial conferirmos como andam os processos de vendas. Volte sua atenção para as rotinas e para os passos que são dados durante o início e até a conclusão da venda.

Fique atento à força de vendas, veja o que ela está fazendo de certo e de errado e quais os tipos de dados são repassados para o seu controle. Talvez, já neste momento consiga identificar algumas informações que não são passadas a você ou que sejam transferidas de maneira deficiente.

Quais são as falhas mais comuns nesse processo?

Controle e mensuração de dados inconsistentes

Depois de revisto o processo de vendas, é hora de voltar sua atenção para os seus controles e a forma com que mensura os resultados.

Como já foram identificados os dados que são realmente importantes e necessários que você tenha para fazer o acompanhamento de maneira correta, é hora de comparar com o que está realmente disponível e buscar os ajustes necessários.

Ausência dos KPIs corretos

Muitos gestores acabam se atrapalhando dentro de uma infinidade de relatórios de vendas e acabam perdendo um pouco da clareza do seu trabalho em meio a tantos números. Não cometa você também este erro.

Uma vez conseguido identificar o que é relevante de verdade para o seu trabalho (não para o trabalho do pessoal de vendas), pondere quais são os índices que você precisa acompanhar.

Lembre-se de que pode ser importante criar seus próprios indicadores como, em vez de contabilizar o número de clientes atendidos e o volume de negócios fechados, divida um pelo outro e trabalhe com o percentual de sucesso das negociações, por exemplo.

Falta de uma solução para a gestão empresarial

Por último, mas extremamente importante, não vá acreditar que vale a pena fazer todos os seus controles de maneira manual. Apesar de haver tecnologia que permita que cada gestor crie um controle próprio, o risco de acontecerem erros durante o processo de contabilização e cálculos é enorme, pois uma solução não automatizada é sempre mais sensível a falhas.

Outro motivo pelo qual se deve utilizar uma solução CRM e/ou um app empresarial é pelo ganho de tempo e flexibilidade. Ter o acompanhamento de todos os seus processos por meio de aplicativos mobile não é mais luxo; é uma necessidade.

Por isso, de agora em diante, na hora de fazer o seu controle de vendas, deixe as práticas dos amadores de lado e concentre-se em ter processos ajustados e um sistema bem definido e calibrado. Você vai ver que os resultados virão de maneira mais fácil e objetiva.

Se você já adota alguma destas boas práticas na sua gestão, tem outra dica de como melhorar seus controles de vendas, possui alguma dúvida ou quer compartilhar uma experiência por que tenha passado, conta pra gente nos comentários.